Comportamento

Por que brincar é importante para as crianças?

Brincar ajuda as crianças a desenvolver suas habilidades físicas, cognitivas, sociais e emocionais. Brincar fornece uma saída segura para eles explorarem suas personalidades.

Imagine isso: um dia ensolarado, uma brisa fresca soprando suavemente no ar e um grupo de crianças brincando no jardim. A imagem simplesmente pinga felicidade.Brincar é uma parte tão importante do crescimento, seja subir em árvores, correr e rolar na grama, brincar de faz de conta com bonecas e figuras de ação, jogar jogos de tabuleiro ou praticar esportes.

Este jogo é apenas para lazer e diversão, ou serve a um propósito maior?

Benefícios de jogar

Os humanos começam a brincar desde pequenos. Enquanto fazemos isso principalmente para nos entreter, “brincar” na verdade tem um papel muito mais importante do que isso. Contribui para o nosso desenvolvimento global, melhorando as nossas faculdades físicas, cognitivas, sociais e emocionais.

A infância é uma idade de desenvolvimento. Nossos cérebros são jovens e apenas começamos a formar conexões neurais e aprender sobre nós mesmos e o mundo. Nosso corpo começou a se desenvolver e crescer para se sustentar.

Brincar serve como uma ‘rodada prática’, onde as crianças podem aprender sobre si mesmas e se desenvolver.

Brincar traz benefícios físicos, cognitivos, sociais e emocionais para as crianças

Físico

Desde muito cedo, as atividades lúdicas afetam nosso crescimento físico. Brincar com blocos, rabiscar com giz de cera, fazer formas abstratas e brincar com chocalhos melhora o controle motor, ou o controle de nossos movimentos e habilidades motoras finas (movimentos da mão e dos dedos, juntamente com a coordenação com os olhos).

À medida que as crianças crescem e adquirem uma melhor noção do seu corpo e das suas capacidades, a brincadeira torna-se mais física. O jogo evoluirá para incluir correr, pular para cima e para baixo, subir em árvores e jogos semelhantes que irão construir e melhorar o controle muscular da criança.

As crianças mais velhas também praticam suas habilidades motoras finas por meio de hobbies como desenhar, pintar e escrever.

Brincar é essencial para o desenvolvimento do tônus ​​muscular, força e controle sobre nossos movimentos, sejam eles movimentos mais finos como segurar um pincel (movimento motor fino) ou movimentos grosseiros (que envolvem partes maiores do nosso corpo como braços, pernas e tronco).

Crayon segurado em um aperto primitivo (Crédito da foto: Ann in the uk/Shutterstock)

À medida que as crianças continuam a crescer, sua força física e seu controle muscular melhoram, o que significa que elas são capazes de se entregar a jogos e hobbies mais exigentes e complexos.

Cognitivo

Jogos como quebra-cabeças e caça-palavras exigem uma compreensão básica da linguagem, como duas peças se encaixam e habilidades de resolução de problemas. Jogos mais simples, como empilhar blocos e combinar objetos com sua forma, também melhoram habilidades como percepção, compreensão de cores, objetos, orientação espacial e coordenação olho-mão .

As crianças também soltam a imaginação quando brincam. Eles criam histórias enquanto brincam de faz de conta com suas bonecas e imaginam objetos de forma criativa enquanto constroem com blocos.

Tudo isso promove a resolução de problemas, a prática de habilidades e a interpretação do mundo.

Emocional

As atividades lúdicas dão à criança um senso de identidade e ajudam-na a se entender melhor. Alguns percebem que preferem brincar com os outros e brincar sozinhos, enquanto alguns preferem sempre brincar em grupo ou sozinhos.

Jogos como brincar de faz de conta e brincar com os outros podem desenvolver empatia e compaixão nas crianças .

Esportes coletivos como basquete, futebol americano e beisebol ensinam as crianças a lidar com vitórias e derrotas, e a fazê-lo em equipe. Representar fantasias ajuda as crianças a lidar com suas emoções, impulsos e dar sentido ao mundo .

Social

Uma grande parte do brincar consiste em socializar com outras crianças.

Brincar em grupo ensina as crianças a interagir com outras pessoas, expressar suas ideias e opiniões, entender o trabalho em equipe, controlar e moderar seu comportamento e agir de maneira socialmente aceitável.

Também os ensina a fazer escolhas e analisar as situações com sabedoria. Por exemplo, em um simples jogo de esconde-esconde, a criança terá que analisar a situação e avaliar o quão bom ou ruim é cada esconderijo. Eles terão então que escolher tendo que decidir em um local.

Além do acima, brincar também é uma ótima maneira de as crianças aprenderem. Coisas como números, cores, letras, escrita e conhecimentos gerais podem ser melhorados através de atividades lúdicas. E esta lista está longe de ser exaustiva!

Brincar não é apenas uma novidade no ser humano; ocorre no reino animal também! Animais, tanto selvagens quanto domésticos, brincam para construir laços sociais, se preparam para a vida adulta e aprendem e praticam habilidades de sobrevivência.

Brincar tem um grande número de benefícios para as pessoas, especialmente para as crianças quando são jovens e impressionáveis. Jogar não só beneficia, mas é realmente vital para o seu desenvolvimento.

Compartilhar
Gilvan Alves

23 Anos de idade, Técnico em Rede de Computadores, Sempre em busca de aprender algo novo todos os Dias!

Este site usa cookies.